Resumos de Livros do(a) Autor(a) Cristiane Correa

Cristiane Correa é uma jornalista e escritora brasileira conhecida por suas obras que retratam histórias de sucesso e liderança empresarial. Ela nasceu em São Paulo e construiu uma carreira sólida no jornalismo econômico, trabalhando em veículos de destaque como a revista Exame.

Correa é reconhecida por suas habilidades em contar histórias empresariais de forma envolvente e acessível. Ela é autora de best-sellers como “Sonho Grande: Como Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Beto Sicupira Revolucionaram o Capitalismo Brasileiro”, onde narra a trajetória dos empresários por trás de empresas como Ambev, Lojas Americanas e Burger King Brasil.

Em suas obras, Cristiane Correa mergulha nas vidas e nas estratégias dos principais executivos e empreendedores brasileiros, oferecendo aos leitores insights valiosos sobre gestão, liderança e inovação. Seu estilo de escrita dinâmico e bem pesquisado torna suas obras populares tanto entre profissionais do mundo dos negócios quanto entre leitores interessados em biografias e histórias inspiradoras.

Além de sua atuação como escritora, Correa também é uma palestrante requisitada, compartilhando suas experiências e conhecimentos em eventos e conferências voltados para o mundo corporativo. Sua expertise em contar histórias de sucesso empresarial a torna uma figura influente no cenário empresarial brasileiro.

Com sua capacidade única de transformar dados complexos em narrativas cativantes, Cristiane Correa contribui significativamente para a compreensão do mundo dos negócios no Brasil e inspira leitores a alcançarem seus próprios objetivos de sucesso e liderança.

O livro “Vicente Falconi: O Que Importa É Resultado” é uma biografia escrita por Cristiane Correa, lançada em 2017, que conta a história de um dos principais consultores de gestão empresarial do Brasil, Vicente Falconi.

A obra conta a trajetória de Vicente Falconi, um dos mais famosos e influentes gurus de gestão da história do Brasil. São destacadas histórias do corporativismo e o envolvimento do professor na implementação da melhoria de processos em grandes empresas como Gerdau, Sadia e AmBev, e como Vicente também aprendeu com as experiências que teve – por exemplo, usar o foco financeiro, o qual leva a métrica financeira como o indicador de resultados.

Falconi criou uma empresa de consultoria (INDG) e ficou claro que é mais fácil consultar empresas do que geri-las. Foi possível ver muitos atritos ocorridos nesta empresa, a maioria relacionados à própria gestão e seus principais executivos e sócios.

Além de trazer a história de vida de Falconi, o livro também aborda os principais conceitos e práticas de gestão que ele defende e aplica em suas consultorias. Tendo sido muito influenciado pelas visitas às fábricas japonesas, o gestor usa os 5S (sensos), por exemplo, que são um conjunto de regras e princípios adotados nas indústrias: sensos de utilização, arrumação, limpeza, higiênico/seguro e autodisciplinado.

Já o método preferido de Vicente é o PDCA: identificação de um problema e planejamento de melhorias; execução do plano de ações; checagem para analisar se o plano está gerando os resultados esperados; padronização do processo e reflexão sobre o que pode ser melhorado, voltando novamente ao início do ciclo.

Fica evidente que o estabelecimento de metas é essencial para o guru, as quais devem ser compostas de um objetivo, um valor e um prazo. Gerenciar, então, é resolver problemas e atingir metas – e problema é a diferença entre a situação atual e a meta.

Ao longo da obra, é possível compreender a importância de se ter uma cultura voltada para a excelência em resultados, bem como a necessidade de uma gestão mais eficiente e orientada por dados e indicadores. Falconi é apresentado como um defensor incansável da meritocracia e da busca por resultados efetivos, em uma época em que a gestão empresarial no Brasil ainda era marcada por práticas ultrapassadas.

O gestor também dá extrema importância às pessoas e considera a liderança como fator essencial para o sucesso de uma gestão. Em relação aos funcionários, para seu bem-estar deve no mínimo haver priorização de suas hierarquias de necessidades de Maslow.

Algumas valiosas lições do professor puderam ser aprendidas nesta leitura:

  • Expor um problema é bom; ruim é tentar escondê-lo ou fazer vista grossa – apenas quando um problema é identificado ele pode ser solucionado.
  • Na zona de conforto, ninguém aprende nada.
  • Quando acha que não está sendo ouvido como gostaria, apenas se afastar.
  • Um dia de aprendizado desperdiçado é irrecuperável, pois este dia perdido não pode ser compensado.

 

Em suma, “Vicente Falconi: O Que Importa É Resultado” é uma obra inspiradora que retrata a trajetória de um dos principais consultores de gestão do país, ao mesmo tempo em que apresenta conceitos e práticas essenciais para o sucesso empresarial. É uma leitura bem agradável e fluida, com lições importantes sobre gestão e processos, bem como sobre a vida em geral, e conta histórias interessantes do ambiente corporativo brasileiro.

Quer o resumo de algum livro que não encontrou aqui? Deixe sua sugestão abaixo e faremos o possível para adicioná-lo.

Sua opinião é importante para nós!